Você Sabia?

12 símbolos cujo significado foi interpretado de forma completamente errada

Curiosidades 19 dezembro 2017 Postado por:

Sinais e símbolos estão tão arraigados nas mentes das pessoas que muitas vezes nem pensamos em suas origens. Por exemplo, as letras de que esta frase é feita. Nós temos mais alguns “tijolos” para a sua imagem do mundo. O último símbolo foi especialmente surpreendente para nós.

Naipes de cartas

Os naipes são muito provavelmente ​​imagens estilizadas de certos objetos: as “pás” são espadas, corações são cálices, os ramos são cetros ou cajados, e os diamantes são moedas.

Ninguém sabe realmente por que esses símbolos são usados ​​em cartas. As cartas de jogo vieram para a Europa a partir da China. É possível que esses objetos representassem diferentes classes: os nobres (cetros), o clero (cálices), os comerciantes (moedas) e os militares (espadas).

Crânio e ossos

O crânio (às vezes com ossos) não é apenas um símbolo da morte, mas também um símbolo da vida eterna e do avivamento, porque os ossos não se decompõem quando uma pessoa morre. É por isso que na Europa este sinal pode ser visto em portões de cemitérios, ícones e pinturas de artistas famosos.

O símbolo pirata não está conectado com essa história. A propósito, os piratas não tinham uma bandeira comum, e Black Jack era o sinal do pirata Edward England. O símbolo do crânio e dos ossos foi popularizado por Robert Louis Stevenson, o autor de A Ilha do Tesouro.

Triquetra

O símbolo da série de TV Charmed existe na vida real e tem uma história muito antiga. É chamado de triquetra.

Na Idade do Bronze na Europa, foi usado para marcar a posição do Sol no céu (nascer do sol, zênite e pôr-do-sol) e também as fases lunares. Também representava os ciclos da natureza. O símbolo era popular entre os celtas e os escandinavos.

Tocar, pausar e parar

Não é certo quem criou esses sinais. De acordo com uma versão, foi a artista Wassily Kandinsky; de acordo com outra, foi Rain Wersem, o criador de um dos primeiros tocadores de cassetes.

A lógica dos sinais “parar” e “tocar” é esta: um quadrado é uma forma estável e um triângulo simboliza o movimento. O sinal de “pausar” evoluiu a partir do sinal musical “сesura”, usado para dividir frases musicais. O botão “gravar” é vermelho para que ninguém o pressione acidentalmente e apague algo importante.

Ichthus

Ichthus é um antigo símbolo de Cristo. As primeiras letras das palavras Ἰησοὺς Χριστὸς Θεoς Υιὸς Σωτήρ (Jesus Cristo, Filho de Deus, Salvador) compõem a palavra ΙΧΘΥΣ, que é o grego para “peixe”.

Durante os tempos de clandestinidade, os cristãos não podiam escrever o nome de Jesus abertamente. É por isso que eles se saíram com a palavra “Ichthus”, e retratavam um peixe. Você pode ter visto esse símbolo em porta-malas de carros. Provavelmente, esse carro pertencia a uma pessoa cristã.

A Cruz Vermelha

Se você acha que o símbolo do Comitê Internacional da Cruz Vermelha (CICV) se assemelha à bandeira da Suíça, então você está certo. A ideia de criar uma organização que ajudaria os doentes e os feridos de graça foi criada na Suíça.

No entanto, o símbolo não teve muito sucesso: os países muçulmanos não queriam usar um sinal que fosse associado ao cristianismo, então um símbolo especial foi criado para eles – o Crescente Vermelho.

Israel não podia usar nenhum dos símbolos, e é por isso que eles fizeram outro sinal religiosamente neutro – o Cristal Vermelho.

Mastro de barbeiro

Este símbolo que se parece com um pirulito vermelho, azul e branco é um símbolo de barbeiros na Europa, América e alguns países asiáticos.

No passado, todo barbeiro costumava ser um médico até certo ponto – ele poderia fornecer uma sangria ou remover um dente. Assim, a cor vermelha simbolizava o sangue e a cor branca simbolizava as bandagens. Não é uma história muito alegre. Mais tarde, eles começaram a adicionar a cor azul.

Estrela da Vida

A estrela azul da vida é um símbolo para ajuda médica urgente nos EUA. Você também pode vê-la em outros países.

Cada uma das seis pontas da estrela representa uma das funções da ajuda médica urgente: detecção, relatório, resposta, cuidado no local, cuidado em trânsito e trânsito para cuidado definitivo. No centro, há a Cetro de Esculápio, o antigo deus grego da medicina.

Abóbora iluminada de Halloween (Jack-o’-lantern)

Nabo, Abóbora

De acordo com uma lenda irlandesa, um ferreiro chamado Jack fez um acordo com o diabo. Após sua morte, sua alma não foi aceita no paraíso ou no inferno. Sua alma percorreu o mundo, usando uma lanterna para iluminar seu caminho. A lanterna foi feita com um nabo.

Os celtas mais tarde fizeram uma tradição de colocar uma lanterna na janela para ajudar as almas perdidas a encontrar o caminho para o purgatório. Só muito mais tarde os nabos foram substituídos por abóboras, que são muito mais atraentes.

Anéis olímpicos

Sabe-se que os anéis olímpicos coloridos simbolizam os cinco continentes: o amarelo é a Ásia, o vermelho é a América, o preto é a África, o azul é a Austrália e o verde é a Europa.

Mas acontece que o co-fundador dos Jogos Olímpicos modernos, o barão Pierre de Coubertin, não pretendia esse significado. Na verdade, o ponto do símbolo é que você pode fazer as bandeiras de todos os países usando as cores dos anéis e a cor branca do plano de fundo. Essa lenda é muito mais atraente, você não acha?

Hamsa

Roma Antiga, Oriente Médio, Cristandade

O Hamsa, também conhecido como Mão de Fátima, é um amuleto popular nas culturas judaica e árabe.

Muito provavelmente, existe uma conexão entre o Hamsa e o amuleto em forma de mão mano pantea, que é encontrado na Roma antiga e no Egito. Esse símbolo apareceu mais tarde no cristianismo. Transformou-se em símbolo e sinal de bênção.

Cruz de São Pedro

Este símbolo é considerado um forte sinal anti-cristão. No entanto, tem um outro lado também: de acordo com a lenda, o apóstolo Pedro seria crucificado como Jesus foi. Mas ele disse que não merecia morrer dessa maneira, então ele pediu para ser crucificado de cabeça para baixo.

Foi assim que a cruz de São Pedro tornou-se o símbolo da humildade e da paciência. Então, não se surpreenda se você vir uma cruz invertida em uma catedral cristã.

Posts relacionados