Você Sabia?

Você Sabia?

7 experimentos incomuns de mudança de vida que aprendemos com a Internet

Há muitas pessoas corajosas o suficiente para quebrar estereótipos e pensar fora da caixa. Algumas criaram pequenos experimentos com suas próprias vidas e até inspiraram outros a mudar. Reunimos para você experiências de vida incomuns que mudaram o pensamento e a atitude das pessoas perante a vida.

Ela usou a mesma roupa para trabalhar todos os dias durante 3 anos

  • Experimento: Matilda Kahl resolveu o problema de escolher roupas para o trabalho de forma bastante radical. Ela decidiu levar adiante e usar exatamente a mesma coisa todos os dias durante 3 anos. Ela ficou cansada de perder tempo todos os dias decidindo o que vestir. Matilda investiu em várias camisas brancas e vários pares da mesma calça preta. Esse era seu “uniforme” diário para o trabalho.
  • Resultado: ela manteve todos os seus vestidos extravagantes para fins de semana e noites. Matilda não perde tempo pela manhã porque sabe exatamente o que ela vai usar. Este experimento permitiu que ela economizasse tempo e energia para se encontrar com familiares e amigos.

Este homem comeu apenas batatas por um ano

  • Experimento: Andrew Taylor comeu apenas batatas por um ano.
  • Resultado: Andrew mostrou ao mundo inteiro o que acontece com o seu corpo se você comer apenas batatas. Olhe para ele! Ele perdeu 50 kg e está incrível! No entanto, esta dieta severa não é para todos.

Uma infância sem gadgets

  • Experimento: A mãe de quatro e fotógrafa Niki Boon vive em uma fazenda com sua família na Nova Zelândia. Ela decidiu criar seus filhos em harmonia com a natureza… sem aparelhos e TV. Eles têm vivido sem gadgets há vários anos.
  • Resultado: a família de Niki mostrou com seu próprio exemplo que as crianças não precisam de gadgets para serem felizes. Elas precisam do seu amor e um pouco de liberdade. Elas se sentem bem crescendo sem laptops e smartphones. Niki criou uma série de fotos da vida sem tecnologia de seus quatro filhos chamada Childhood in the Raw (Infância em Estado Bruto).

Uma mulher viveu sem dinheiro por 20 anos

  • Experimento: Heidemarie Schwermer percebeu que as pessoas estão se tornando muito materialistas. Ela saiu de seu apartamento, doou quase todas as suas coisas e decidiu fazer um pequeno experimento: viver sem dinheiro por um ano. Ela ajudou as pessoas em troca de alimentos e habitação. Ela não usava o transporte público e carregava as coisas e as roupas mais necessárias em uma pequena mochila.
  • Resultado: Heidemarie viveu sem dinheiro por 20 anos. Por seu próprio exemplo, ela provou que o dinheiro não é a coisa mais importante do mundo. Durante muitos anos, ela foi oradora pública e convidada regularmente por programas de TV.

Um casal da era vitoriana

  • Experimento: Sarah e Gabriel Chrisman decidiram viver como se estivessem na era vitoriana. Eles abandonaram os benefícios da tecnologia moderna: eles usaram um jarro para lavar, costuraram roupas, dependeram principalmente de lâmpadas a óleo e usaram receitas de um livro de receitas do século XIX.
  • Resultado: uma forma de vida tão incomum fez o casal ver o mundo e as pessoas de forma diferente, compreendendo melhor seu passado. Muitas coisas antigas acabaram sendo bastante convenientes, e as receitas mereceram elogios especiais. Sarah escreveu um livro sobre sua experiência e o estilo de vida da era vitoriana.

Vida sem lixo

  • Experimento: Bea Johnson escolheu uma vida sem lixo para si e para a família. Ela se recusou a comprar e usar coisas que não poderiam ser recicladas: embalagens descartáveis, produtos químicos domésticos em garrafas de plástico e muitas coisas desnecessárias.
  • Resultado: Bea mostrou por seu próprio exemplo que viver uma vida ecológica não é difícil – vidro e papel podem facilmente substituir o plástico. Sua família produz apenas 1 kg de lixo por ano.

Um ano sem internet

  • Experimento: o jornalista Paul Miller viveu um ano offline. Ele não usou nenhuma rede social ou aplicativos de celular e substituiu seu e-mail por uma caixa de correio normal. Tendo sido um usuário de internet constante desde os 12 anos, Paul decidiu descobrir como é a vida do outro lado do navegador.
  • Resultado: ele começou a escrever um livro, perdeu 5 kg e melhorou sua concentração. Após o experimento, ele navega a internet de forma mais consciente. É apenas um instrumento que deve ser usado sabiamente.

Fonte:

BrightSide

CONTINUAR LENDO

Posts relacionados