Você Sabia?

7 traços de personalidade de que quase ninguém gosta de verdade

É absolutamente normal não gostar de alguém. As pessoas sempre tiveram que desconfiar de estranhos apenas para sobreviver neste mundo. Hoje, a sobrevivência não é mais um problema, mas todos nós provavelmente conhecemos algumas pessoas que nos incomodam sem razão. Então, o que há de errado com elas? Vamos informar você sobre algumas traços de personalidade e hábitos irritantes das pessoas que inconscientemente tentamos evitar.

6. Altruísmo excessivo

O que você vê / O que os outros veem

A bondade é uma característica que todos nós apreciamos. Mas às vezes as pessoas são muito gentis e sacrificantes e isso incomoda os outros. Se você é sempre bom e está pronto para ajudar (mesmo que essa ajuda irá afetá-lo), as pessoas podem começar a tratá-lo com desconfiança.

Estudos mostram que as pessoas odeiam tanto o altruísmo excessivo quanto o egoísmo excessivo. Isso não acontece porque as pessoas são ingratas. A questão é que a gentileza altruísta causa muitas perguntas: “O que eles querem?” ou “O que eles estão pensando?”. Além disso, ninguém quer parecer “pior” e menos altruísta se comparado a alguém que é realmente altruísta.

5. Dizer que conhece alguém famoso

Não vão acreditar / Vão acreditar

Ninguém gosta de pessoas que se gabam (especialmente aquelas que mencionam que conhecem pessoas famosas). Cientistas da Suíça descobriram que dizer que conhece alguém famoso não tem nenhum impacto positivo. Pelo contrário, quanto mais você fala sobre seus “amigos” famosos, menos as pessoas acreditam em você. As pessoas acham que você está tentando manipulá-las com isso.

4. Estrelas de mídia social

As contas de mídia social dizem a possíveis empregadores e outras pessoas muito sobre alguém. Sociólogos e psicólogos decidiram estudar esse problema e coletaram vários indicadores que poderiam estragar sua reputação.

  • Muitas fotos. Há pessoas cujas refeições fora se transformam em um relatório sobre a comida in loco (milhões de fotos de cada prato de diferentes ângulos e assim por diante). Essas pessoas são tratadas com desconfiança.
  • Muitos “amigos”. Em geral, as pessoas não confiam naqueles que têm milhares de amigos e seguidores. Eles podem pensar que a fama na mídia social é a única coisa que interessa a essa pessoa. Os cientistas descobriram que o aceitável está em algum lugar na faixa de cerca de 338 amigos online, assim não confundimos ou intimidamos as pessoas.

3. Parecer muito feliz

Acreditamos que um sorriso só pode trazer emoções positivas. Mas parece que as pessoas cujos sorrisos são muito largos incomodam os outros.

Aqui está o que os psicólogos dizem: felicidade e satisfação excessivas causam antipatia. As pessoas que estão muito felizes e satisfeitas (sem uma boa razão) parecem ingênuas e até mesmo ignorantes.

Além disso, se você é sempre positivo e alegre, pode sempre receber as tarefas mais desagradáveis. Já que as pessoas pensarão que você não é inteligente o bastante para avaliar a dificuldade das tarefas que surgem em seu caminho e presumir que não se recusará a fazê-las.

2. Nomes difíceis

Às vezes, não precisamos fazer nada para causar aborrecimento: nosso nome faz o trabalho muito bem. Cinco estudos provaram que nomes difíceis de pronunciar são julgados de forma menos positiva do que nomes fáceis de pronunciar. Então, pessoas com nomes simples são frequentemente bem-sucedidas e mais respeitadas.

Então porque isso acontece? Nosso cérebro sempre trata coisas novas e incomuns com suspeita. Se um nome parece muito longo ou estranho, seu dono se torna uma pessoa suspeita automaticamente. Claro, isso acontece subconscientemente. Você já notou o fato de que as celebridades muitas vezes mudam seus nomes longos e esquisitos para algo mais simples, para as massas?

1. Timidez excessiva

As pessoas não gostam daqueles que sempre se criticam. Ao tentar causar uma boa impressão em novos amigos ou empregadores, algumas pessoas escondem seu orgulho sob autocrítica. Como regra geral, esses truques não passam despercebidos. Aqui está um exemplo: Imagine que você é questionado sobre suas fraquezas em uma entrevista de emprego.

Respostas erradas:

  • “Sou perfeccionista. Não consigo dormir se algo precisa ser feito e não posso fazer o contrário”.
  • “Eu sou um workaholic, dias de semana e fins de semana são o mesmo para mim. Embora eu não consiga mais lembrar como minha família se parece”.

Ninguém vai acreditar nessas palavras. Timidez falsa também afeta a reputação de uma pessoa e a impede de subir na carreira, porque esse comportamento parece insincero.

Bônus: sobre pessoas que não gostam de ninguém e de nada

Algumas pessoas sempre criticam tudo simplesmente porque não conseguem parar de fazê-lo. Você só tem que aceitar isso. O Grinch odeia o Natal, Tio Patinhas despreza os pobres e algumas pessoas simplesmente criticam tudo. Os psicólogos têm algumas teorias que explicam essa questão:

  • Disposição social . A disposição pode ser positiva e negativa. Pessoas com uma atitude disposicional negativa são propensas a uma avaliação negativa de coisas e eventos: elas sempre encontrarão algo de que não gostem. Pessoas com uma atitude disposicional positiva sempre tentam olhar para o lado positivo. Os psicólogos têm certeza de que essa disposição é como um traço de caráter – é realmente difícil mudar sua percepção.
  • Ansiedade social. Pessoas com um medo irracional de serem observadas ou julgadas começam a criticar os outros para que não se sintam sozinhos.

Há pessoas que possam não gostar de você sem motivo graças a seus traços de personalidade? O que você acha?

Continuar lendo

Posts relacionados